sábado, outubro 31, 2015

A Fracção do Jornalista


O que é que se aprova no nosso parlamento com tal fracção?

sexta-feira, outubro 30, 2015

Liberdade de Imprensa e Competetividade



"É que a empresa sentiu-se obrigada a fazer a impressão do jornal em Portugal, onde as gráficas locais oferecem melhores condições do que os de Cabo Verde no tocante ao sistema moderno de impressão, à celeridade e qualidade na prestação dos serviços solicitados."

quarta-feira, outubro 28, 2015

Inovação Política


Precisa-se...aqui também na tapadinha!

Uma homenagem de grande valor cívico!


Let´s go!

terça-feira, outubro 27, 2015

Fundo de Ambiente


Preciso gravar +1Son

segunda-feira, outubro 26, 2015

Os Mercados


...os mercados estão calmos...
...os mercados estão nervosos...
...os mercados estão frios...
...os mercados estão quentes...
...os mercados estão apreensivos...
...os mercados estão confiantes...
...os mercados estão felizes...
...os mercados estão irritados...
...os mercados acordaram...
...os mercados dormiram...
...os mercados amaram...
...os mercados odiaram...

O nome Mercado, agora é mais humano do que qualquer um de nós, segundo a constatação de alguém.
Humano sempre foi. Na verdade muito dificilmente sabemos quem é o John Doe que mexe os cordelinhos do mercado. Ou até sabemos?

O Kluster dos Hankais 9


Uma sugestão que saiu no último Jornal de Domingo:
"A esquerda portuguesa quer deitar o governo no chão".

Alguma semelhança com "btá governo na txon?"

quinta-feira, outubro 22, 2015

O Son é concreto...

Declaro ter interrompido a escrita por enquanto, porque embriaguei-me no álcool do som...... poesia é ácido ....corrói e deixa-nos em carunjos sem serventia, para, sequer voltar na cova... fiz, mas agora detesto.

Não quero ser corroído, nem moído pelo verbo trucidar e ficar trotxida no prato sem paladar diante dos olhos do comedor.

O rompimento com a literatura é um tratado que acabo de exercitar e assinar com o papel e a caneta e com o vício de escrever, doença que mata ao devele. Rotunda, não. Rotura, sim. Não sei viver sem roturas. Rompo sempre que o boi se estafa diante do vermelhão do toureiro ou das voltas do trapiche ou mesmo das cantigas repetidas na voz do espicaçador do boi. Só os deuses não se estafam.

Os esperançosos, também não. Escrevam, vocês! Escrevam, escribas, poetas e prosadores que eu vou para a taberna onde o violão não pára, onde a algazarra e o som são mais vida que o papel e o comboio de letras na frente, desfilando fantasias, sonhos e evasões. O som é concreto. Quando se erra na nota, cobra-se no momento, quando não se acerta no verso, improvisa-se, remenda-se, dá-se o salto ou então suspende-se e cantarola-se.

O verso é escada de chatices da alma, enquanto som é estrada para se chegar à alma, seja que alma for - santos ou pecadores - . O som é caminho do inferno, da sabura, do esquecimento, do extasie, enquanto a poesia é tropeçar na margem do rio que não se conhece, que não tem nome, nem foz, nem mar que trave o perigo do seu veneno.

Não quero ser corroído pela poesia, antes comido pelo grogue no embalo duma morna sentida ou tido por herege ao som duma coladeira.
Quero ser o terreiro livre sem rei nem mandão, longe, mesmo longe dos escribas.

Texto de Kaká Barboza - http://luzkarbarboza.blogspot.com/2015/09/em-declive-acelerado-declaro-ter.html

segunda-feira, outubro 19, 2015

Que tal é o novo disco de Mariza? Fraquito


Quando será possivel fazer-se uma critica assim ao Son que é produzido nas ilhas sem ser apedrejado ou passar a persona non grata?

Um Rosário diferente para a Cultura!

quarta-feira, outubro 14, 2015

Je Suis Alunos da Boa Vista


Tempo de Vigílias e o estado de um Bairro tido como Chic!


Mais de uma centena de familias.
Pessoas comuns, empresários, professores, médicos, engenheiros, economistas. Moram também politicos e representantes da nação. Mora também o Presidente da Câmara. 
A rua é esta extensão de descaso e de falta de responsabilidade de tudo e todos. Isto é o que acabamos por merecer todos, já que para isto nunca haverá vigília nenhuma, para realmente termos algo a que se possa chamar de rua.

E não é preciso greve de fome e nem agua, porque já estamos todos mortos.

Sobre a chamada pedonal, sairá uma linha brevemente.

sexta-feira, outubro 09, 2015

Fase Love


Realmente esta fase Love na música das ilhas perdura.
Desembarca-se e é uma sequência de "mi ê dodu na bó" irresistível.
Um possivel Cluster?

quinta-feira, outubro 08, 2015

Vem aí um Tsunami



"E no meio deste jogo que opõe regulador e regulado, estão os investidores, os empresários, as famílias. São estes que pagam os custos da ineficiência desta relação e suportam os danos colaterais. Os bancos comerciais aplicam a taxa que bem entenderem, decidem os créditos, quando decidem, fora do tempo oportuno, e os clientes ficam desemparados, sem onde recorrer para fazer valer os seus direitos.

A VOZ quis ouvir o BCV, mas este, por meio do departamento de comunicação mostrou-se indisponível para responder às questões envidas por e-mail.

Igual resultado teve o jornal às tentativas de obter declarações da Caixa Económica de Cabo Verde (CECV), Banco Africano do Investimento (BAI) e Banco Interatlântico (BI), os três bancos comerciais que solicitaram as questões. O BAI teve a gentileza de responder ao e-mail dizendo que não vai responder às questões levantadas pelo jornal. A CECV e o BI não disseram nada até agora."

Fonte: AVoz

quarta-feira, outubro 07, 2015

O Show da Guerra


Será este, um show da Rússia? Ou um aviso qualquer?

Sem Tampa


O que será que o grande José de Alencar diria sobre a dor que este buraco sente pela tampa que nunca mais vêm? 
Enquanto a tampa não vem fica a música de fundo...

segunda-feira, outubro 05, 2015

Uma sugestão para Educação nas Ilhas


Fica esta recentíssima notícia: Why Singapore has the smartest kids in the world -

Fala-se tanto de rankings e ganhos e raramente se ouve falar do Programme for International Student Assessment -PISA.

Na sequência da aula magna do PM no IUE, deixo ainda duas sugestões no TED, que devem valer pelo numero de visualizações:

sábado, outubro 03, 2015

Who really cares, MJ?




All I wanna say is that
They don't really care about us
All I wanna say is that
They don't really care about us

Some things in life they just don't wanna see
But if Martin Luther was livin'
He wouldn't let this be, no, no

Kaká Barboza Trás di Son


"homi e kel ki kanta se terra ku Alma...!

Elevation of Love


Esbjörn Svensson Trio - Elevation of Love

sexta-feira, outubro 02, 2015

Dodu




A "fase Love - romântica" tem produzido tanto "mi é dodu na bó", que acaba por ocultar coisas como este Dodu...um alto Son e video.!

Today - David Guilmour




"Today"
If you should wake and find me gone
Keep safe this night and dwell upon
Such murmurations, sun sunk deep
Now close your eyes and go to sleep

What a day it's been
A day of shoot the breezes
What a day it's been this time of year
Oh yes it is

Just a day when the weight of the world slides away

Feel that sun on your back
See the shadows falling
Sea meets shore and soothes it with a song
Oh yeah

If this should be my last day on Earth, I'll sing along

New day, always
Let's forget all the skies cast over the rain
And the sqouring tempest of doubt
Holding on clinging tight in the wreckage of love
But today

What a time to dream
What a day of easy
What a day it's been this time of year
Oh yeah

Just a day when the weight of the world slides away

New day, always
Evening Star, a guitar in the smoke of the fire
Light of gold in the garden of old
I will take it all again if it came my way
But today

Música de Fundo

Qual seria a música de fundo para este cartaz?