domingo, maio 24, 2015

Djavan Palco e Luanda



"Foi numa noite de luanda
que um clarão me abalou em lobito
como fosse um raio de susto, um facho místico"



"Trago a minha banda, só quem sabe onde é Luanda
Saberá lhe dar valor, dar valor"

Related Articles

0 comments: