iPedra

8:59 da manhã Angelo Barbosa 0 Comments




Não gastava energia nenhuma, nem sequer solar!
 Não precisava de "pen":  para escrever, até prego enferrujado servia!
 Mesmo quebrado, qualquer um dos pedaços funcionava lindamente!
 Quando me arrependia do que escreví, bastava cuspir no "screen" e passar a
 mão para fazer um "reset" total!
 E o melhor de tudo:  A inteligencia era transferida do meu cerebro para o
 "device", não ao contrário!

Fonte: Recebido por email

You Might Also Like

0 comments: