quarta-feira, fevereiro 08, 2012

Contacto de 3º Grau


Tive o privilégio de registar este reencontro emocionante entre Zeca Couto e Zé Brazão.
Dois ex-tubarões e autoridades máximas do orgão Yamaha dos anos 70 / 80 em Cabo Verde. Pude assistir a um abraço afectuoso para além de uma longa conversa lembrando os tempos de Djonsinho Cabral, do desfile em Havana, da ousadia de tocarem a 5ª Sinfonia de Beethoven e de outros momentos que os marcaram.

Zé Brazão foi levado para Os Tubarões por Zeca Couto, na altura em que este ia para Cuba iniciar a formação em música. Bem novo, assumiu a responsabilidade de substituir Z. Couto por dois anos e gravou o emblemático álbum Djonsinho Cabral. Viveu vários em Portugal, sempre presente no mundo musical de Lisboa.
Hoje vive na África do Sul e segundo ele, está desligado da música há vários anos. Mas quando fala de música os olhos brilham e faz a posição de acordes com as mãos.

Benvindo Zé!

Related Articles

1 comments:

isabel disse...

daqui um abraco do Ze Brazao e ..... obrigado Djinho pelas palavras amigas!