Nkrê un Son más Son...

domingo, janeiro 21, 2007

Mi nten un santo di meu, undi di bó?


Este ano por razões várias preciso de um bom santo ou de bons santos.
No fim de 2006 estive com Nha Santa Catarina e com a música que ela trouxe à minha eterna “vila” de Assomada.

Em 2007, fui receber a abenção di Nhu Santu Amaru pelas mãos do meu amigo Mário Lúcio. Aliás o convite já vinha de quase um ano atrás.
Tive o prazer de juntar à Banda que o Lutcho montou para tocar no Festival na vila di Manguy.

Prazer grande porque o ambiente do grupo foi excelente durante os ensaios e sobretudo por ter tido a oportunidade de “reencontrar” Duka nos teclados e de tocar com Tey Santos, os dois que são para mim grandes nomes da música de Cabo Verde.

O concerto foi maravilhoso. O som do Russo, impecável.
Mário sentiu-se a meu ver feliz por este regresso à casa, que acredito sempre faz bem à alma.
O público reconheceu pelas músicas apresentadas e pela comunicação que Mário impôs, que tarrafal tem uma estrela de brilho diferente.

Como diria Stephane, nu da un grandi toki....

Agradeço ao Lutcho, ao Duka, ao Tey, ao Djica, ao Stephane e ao Mano pelo bom momento que me proporcionaram.


Mi nten un santo di meu, undi di bó?

Sem comentários:

Follow Us @soratemplates