quarta-feira, setembro 20, 2006

Resposta a uma inquietação

Posted by with 4 comments

Ao MFAP

Desde ontem, na tentativa de procurar perceber um determinado problema que tem me tirado o apetite, procurei alguma coisa para ler, sempre atrás de alguma pista no sentido de resolver este estado de alma.

Deitei mão ao “Combates pela História”, de António Correia e Silva e por acaso esfolhei até chegar na página 81.

Diz assim: “Mas numa sociedade, como a nossa, na qual as elites que concebem e executam as políticas de desenvolvimento são, muitas vezes, arrogantemente ignorantes da História, desconhecendo soluções, debates e impasses já vividos por outras gerações, estou em crer que faz todo sentido, a propósito do futuro que se procura inventar, revisitar o passado.” Posted by Picasa

Que alívio!!!
Reacções:

4 comentários:

Anónimo disse...

Adorei. Adorei mesmo.
Ganda Tó.

Porque será que quando li este pequeno trecho, veio-me à cabeça os artigos que ultimamente têm circulado em blogs e revistas que têm divulgado autênticas barbaridades sobre, por exemplo, o batuco?

Porque será?

P.S. Djinho: Uma palavrinha sobre o teu blog:

Não vou falar da essência do que é cá publicado, pois outra coisa não seria de esperar, partindo de uma cabeça como a tua e, para mais, já foste suficientemente elogiado. E se for demais, faz mal.

Queria falar dos pormenores técnicos, dos pormenores "do interior" a nível de programação, tudo para melhorar o aspecto da apresentação "física" deste blog.

Aliás... Também, outra coisa não seria de esperar, vindo de uma cabeça como a tua.

Parabéns.

Paló

Anónimo disse...

P.S.II

Onde está ecrito "veio-me à cabeça" deveria estar "vieram-me´à cabeça".

Ah!... se Albertina Figueiredo ou Dona Mindoca ou Gabriela Mariano vissem isto...

Ah Paló... Estavas frito!

Anónimo disse...

E aí "anónimo"!!! e do assunto que se falou não tens nada a dizer?

Kamia disse...

Djinho o slide show ficou muito bonito.Son Di Santiagu está cada vez melhor. E agora nem falas só sobre música.Até de livros...
Eu tenho vontade mesmo de ler algum livro do Antonio Correia e Silva como disse há algum tempo lá no blog. Gosto de História e gostei dos seus textos na Revista do A Semana.